Emprego

Petroleiros divergem sobre oferta da Petrobras, mas reajuste deve ser aprovado

A maioria dos funcionários da Petrobras ligados à Federação Única dos Petroleiros (FUP) já aprovou o acordo salarial deste ano, afastando a possibilidade de greve na estatal, apesar da rejeição da proposta por uma outra entidade representativa dos funcionários. A Federação Nacional dos Petroleiros (FNP), com menos sindicatos filiados, indica a rejeição da proposta da estatal, e acusa a FUP, federação ligada ao PT, de aliviar sua atuação com vistas à reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT). A mais recente proposta da Petrobras prevê o reajuste de 6,51% do salário básico e de 9,71% da tabela de remuneração mínima de nível e regime (RMNR). A FUP indicou a aprovação da proposta na semana passada e as assembleias começaram a acontecer em seguida.

Meio Ambiente

Herdeiros de Rockefeller se comprometem a não investir mais em combustíveis fósseis

Os herdeiros de John Rockefeller, magnata que construiu seu império no setor de petróleo, planejam deixar de investir em combustíveis fósseis. A entidade que representa a família, o Rockefeller Brothers Fund, anunciou que ingressará em uma iniciativa que reúne bilionários de todo o mundo com o objetivo de tirar dinheiro de fontes de energia poluentes e apoiar o desenvolvimento de fontes renováveis. O anúncio ocorre na véspera de uma reunião com 120 chefes de estado na Organização das Nações Unidas sobre mudanças climáticas, marcada para esta terça-feira. Chamado de Global Divest-Invest, o movimento foi criado há três anos em algumas universidades americanas e reúne 180 instituições. No total, as entidades somam US$ 50 bilhões em ativos, segundo a consultoria Arabella Advisors, que acompanha organizações não-governamentais. 
 (Foto: O presidente do Rockefeller Brothers Fund, Stephen Heintz (à esquerda); Valerie Rockefeller, chefe do conselho da entidade, e Steven Rockefeller, neto de John, fundador do império - foto de  HIROKO MASUIKE / NYT)

Pré-Sal

MWV Specialty Chemicals investe para atender projetos de exploração do Pré-Sal

Fornecedora de aditivos para fluidos de perfuração e químicos para as áreas de produção e estimulação no setor de óleo e gás, a MWV Specialty Chemicals introduziu recentemente em seu portfólio local 10 novos aditivos para fluidos de perfuração desenvolvidos em sua fábrica de derivativos em Duque de Caxias-RJ. O investimento incluiu melhorias e a instalação de novos equipamentos em três reatores da planta para viabilizar o aumento e a diversificação da produção.

Emprego

Oportunidades para Analista Financeiro, Assistente de Qualidade e Gerente de Engenharia de Poços

Leia aqui outras ofertas de emprego disponibilizadas diretamente pelas empresas interessadas ou por profissionais de Recursos Humanos para as áreas de petróleo, gás e indústria naval, com destaque para a região de Macaé, na Bacia de Campos. Lembramos que os currículos devem ser enviados diretamente para os emails fornecidos em cada oportunidade de emprego publicada.

Cursos & Carreiras

Petrobras receberá até 20 de outubro inscrição para 663 vagas imediatas e cadastro reserva

A Petrobras publicou edital de um novo processo seletivo. Desta vez, serão preenchidas 663 imediatas, além de formação de cadastro de reserva. As oportunidades são para cargos de níveis médio/técnico e superior, com salários variando de R$ 3.400,47 a R$ 8.081,98. As inscrições poderão ser feitas no período de 25 de setembro a 20 de outubro.

Estágio & Trainees

Petrobras Distribuidora abre programa de estágio para estudantes de níveis médio (técnico) e superior

 Estão abertas até 14 de outubro de 2014 as inscrições para a nova edição do Programa de Estágio da Petrobras Distribuidora, com oportunidades para estudantes de níveis superior e médio (cursos técnicos), em diversas localidades do país. Os estudantes devem cursar os dois últimos anos ou os quatro últimos semestres.

Rio Oil&Gas 2014

IBP assina acordo com o IFP da França para oferecer cursos de especialização

O Instituto Brasileiro de Petróleo e Gás (IBP) e o Instituto Francês de Petróleo (IFP) assinaram no último dia da Rio Oil & Gas 2014, memorando de entendimento para especialização de executivos no Brasil. Com 100 anos de existência, o IFP é um dos principais centros de pesquisa e ensino nas áreas de combustíveis fósseis e novas energias, e estará, a partir de 2015, junto com o IBP, treinando profissionais do mercado, com foco nas principais demandas do setor no Brasil. Para a gerente de cursos do IBP, Renata Ribeiro, o convênio foi firmado em um momento extremamente importante para o Brasil e o setor brasileiro de petróleo.

Criação e hospedagem de websites - ProntoSite