Legislação

Senado acelera tramitação de projeto que derruba exclusividade da Petrobras no pré-sal

O presidente do Senado Federal, Renan Calheiros, acolheu nesta quarta-feira o pedido do senador Otto Alencar (PSD-BA) para encerrar a comissão especial criada para debater o projeto de lei que derruba a exigência de a Petrobras atuar como operadora única dos campos do pré-sal a serem licitados. Com isso, o texto deverá ir direto a plenário, como desejavam os parlamentares favoráveis à derrubada da exigência de participação mínima da estatal em 30% das áreas. A Comissão contou nesta quarta-feira com a presença dos governadores do Rio, Luis Fernando Pezão, e do Espírito Santo, Paulo Hartung. No entanto, pela terceira vez consecutiva, a reunião da comissão especial não contou com um quórum de senadores. Havia no plenário destinado ao debate hoje apenas três senadores e a sessão foi cancelada.

Negócios

Helibras inaugura novo Centro de Treinamento e Simuladores de R$ 80 milhões no Rio

A Helibras inaugura nesta sexta-feira, dia 21/08, as instalações do Centro de Treinamento e Simuladores (CTS), que demandou investimentos de R$ 80 milhões, no Rio de Janeiro. O CTS marca o cumprimento, pelo Consórcio Helibras – Airbus Helicopters, de mais uma etapa do contrato H-XBR de fornecimento de 50 aeronaves H225M (EC725 - foto), transferência de conhecimentos e produção de diversos itens pela indústria nacional e disponibilização de meios de manutenção e treinamento em território nacional.  O CTS irá oferecer treinamento para os operadores dos helicópteros H225 e H225M no moderno Full Flight Simulator (FFS), único simulador para esses modelos de helicópteros instalado nas Américas.

Emprego

Oportunidades na Technip, Statoil e Weatherford para diferentes perfis profissionais

Leia aqui outras ofertas de emprego disponibilizadas diretamente pelas empresas interessadas ou por profissionais de Recursos Humanos para as áreas de petróleo, gás e indústria naval, com destaque para a região de Macaé, na Bacia de Campos. Lembramos que os currículos devem ser enviados diretamente para os emails fornecidos em cada oportunidade de emprego publicada.

Pré-Sal

Brasil realizará nova licitação no pré-sal até 2017

 O governo brasileiro já tem áreas mapeadas para realizar uma nova rodada de licitação de blocos no pré-sal até 2017, dentro do regime de partilha, disse nesta segunda-feira o secretário de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis do Ministério de Minas e Energia, Marco Antonio Almeida. "Já temos vários prospectos mapeados que podem ser colocados, ou não, na medida da necessidade. Vamos ter que ver a capacidade da indústria de atender as demandas da capacidade de produção, quanto a gente quer produzir, quanto a gente quer exportar", disse o secretário.

Internacional

Petróleo nos EUA tem mínima de mais de 6 anos com aumento de estoques

Os contratos futuros do petróleo recuaram cerca de 4 por cento nesta quarta-feira, com o preço da commodity nos EUA atingindo seu nível mais baixo em seis anos e meio, após dados do governo mostrarem um aumento inesperado dos estoques norte-americanos, o que reforça preocupações com o crescente excedente global do produto.

Licitações

ANP diz que Exxon, BP e Anadarko estão entre as 26 interessadas na 13ª Rodada

Petroleiras gigantes como Exxon Mobil, BP, Anadarko e Galp estão entre as 26 interessadas em participar da 13ª Rodada de Licitações de blocos exploratórios de óleo e gás até agora, segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). A rodada está marcada para 7 de outubro e as companhias têm até 11 de agosto para se inscrever, entregar documentos e pagar a taxa de inscrição.

Licitações

Conselheiro da Petrobras considera regime de partilha danoso ao país

O regime de partilha, estabelecido no Brasil com o objetivo de garantir ao país uma maior fatia nas receitas com a exploração do petróleo do pré-sal, é danoso aos interesses da Petrobras e da nação, disse nesta terça-feira o conselheiro da petroleira Roberto Castello Branco, diretor do Centro de Crescimento e Desenvolvimento Econômico da FGV. "O regime de partilha contém todo tipo de distorção, primeiro é a participação mínima de 30 por cento da Petrobras em cada projeto, isso é inviável", afirmou Castello Branco, em palestra durante evento da Fundação Getulio Vargas (FGV).

O seu site favorito de O&G